9 filmes sobre matemática para estudar de forma divertida

A vida imita a arte, certo? Se você está se preparando para o vestibular, por que não aplicar a frase de Oscar Wilde em seus estudos e assistir a filmes sobre matemática para ajudá-lo com a inspiração?

O mais surpreendente é que há sugestões para todos os gostos. Desde dramas a thrillers viscerais, todos eles têm como ponto central cálculos e números. Escolha o seu preferido e passe a encarar o estudo da Matemática de uma maneira diferente!

1. Pi

Nesse thriller de 1998, o número irracional Pi — 3,1415… — é o pivô de uma descoberta que pode mudar a vida de Max (Sean Gullette), um jovem estudioso, genial e recluso. Na trama, Max descobre uma fórmula que prevê movimentações financeiras na bolsa de valores.

Sua descoberta não tarda a ser conhecida por um grupo de investidores de Wall Street, que o procura querendo saber mais. Paralelo a isso, uma associação de judeus se manifesta em público, alegando que a fórmula seria, na verdade, baseada em uma passagem do livro sagrado judaico, a Torá.

Com a grande importância de sua descoberta, Max acaba tendo que lidar com as consequências dos diversos interesses em jogo, com todos os problemas implicados.

2. Uma Mente Brilhante

Baseado na biografia do célebre matemático John Nash (Russel Crowe), escrita por Sylvia Nasar, Uma Mente Brilhante (2001) é a adaptação para o cinema da história de um gênio dos números.

Dirigido por Ron Howard (Willow, Apollo 13, O Código da Vinci), a produção norte-americana tem no elenco Jennifer Connelly, no papel da esposa de Nash, Alicia, e Ed Harris, interpretando William Parcher.

John Nash, além de grande matemático, venceu o prêmio Nobel de economia em 1994 e desenvolveu extensa produção científica em meio a crises de esquizofrenia e muitas internações psiquiátricas. O filme foi vencedor de 4 Oscars, para o qual teve 8 indicações.

3. O Jogo da Imitação

Outro gênio da matemática foi Alan Turing, cuja história de incríveis descobertas rendeu os filmes Breaking the Code (1996) e O Jogo da Imitação, de 2015. Ambos são centrados na vida de Alan, e daquela que é considerada sua maior descoberta, a decifração dos códigos da Máquina Enigma, utilizada pelos nazistas para enviar mensagens durante a Segunda Guerra.

No filme de 2015, Benedict Cumberbatch dá vida a Turing, que também ficou conhecido pelo seu trabalho envolvendo criptoanálise. Como muitos gênios, ele tinha uma personalidade nem sempre fácil de lidar, além de ter sido violentamente discriminado por ser homossexual.

4. Estrelas Além do Tempo

Na década de 1960, a sociedade norte-americana estava cindida pela luta racial e os embates entre parcelas conservadoras e liberais da sociedade. Baseado no livro “Hidden Figures” de Margot Lee Shetterly, Estrelas Além do Tempo (2016) conta justamente a saga de 3 matemáticas negras, funcionárias da NASA em 1961.

Somada à segregação racial e ao machismo, Katherine Johnson (Taraji P. Henson), Dorothy Vaughn (Octavia Spencer) e Mary Jackson (Janelle Monáe) tiveram que lidar diariamente com o preconceito dentro da própria Agência Espacial Norte Americana.

Baseado em fatos reais, o filme conta a saga das três mulheres, que precisaram superar o racismo e a desconfiança, para, no final, dar uma prova inquestionável de suas enormes capacidades com os números.

5. A Sala de Fermat

No melhor estilo “Jogos Mortais” (2004), A Sala de Fermat (2007) é um thriller angustiante, que narra a história de um quarteto de matemáticos convidado a superar um desafio de lógica.

A produção é espanhola, e conta com a direção de Luis Piedrahita e Rodrigo Sopeña, que dirigiram também em conjunto a comédia romântica Yo También Te Quiero, sem versão em português.

6. Quebrando a Banca

Assim como em Pi, Quebrando a Banca (2008) é a história de um matemático que descobre uma fórmula capaz de fazer ganhar muito dinheiro, mas nesse caso com apostas em jogos de azar.

Tudo começa quando Ben Campbell (Jim Sturgess), um jovem estudante do MIT, começa a precisar de dinheiro para custear os estudos. A solução encontrada foi recorrer ao jogo, após receber um convite para integrar um grupo de universitários em uma viagem a Las Vegas, liderada pelo professor e matemático Micky Rosa (Kevin Spacey).

Em pouco tempo, o grupo consegue descobrir uma forma de sempre sair vencedor, passando a adotar um modo de vida extravagante por conta das grandes somas que passam a ganhar sem esforço.

7. A Prova

Gwyneth Paltrow é Catherine, filha de um matemático consagrado chamado Robert, interpretado por Anthony Hopkings, devastado pela loucura no fim da vida.

Tendo herdado a inteligência para a Matemática e a mesma dificuldade em lidar com as emoções, Catherine, em um dado momento, conhece o jovem estudante Hal (Jake Gyllenhaal). Ele propõe estudar as anotações de Robert, deixadas em uma coletânea de mais de 100 cadernos, que os fazem ter revelações surpreendentes.

8. O Gênio Indomável

Vencedor dos Oscars de Melhor ator Coadjuvante (Robin Williams) e Melhor Roteiro Original, escrito por Matt Damon e Ben Affleck, Gênio Indomável conta a história de Will Hunting (Matt Damon) e sua até então desconhecida genialidade para a Matemática.

Will é um jovem problemático, com passagens pela polícia e muita rebeldia para dar e vender. Tudo começa a mudar quando, em sala de aula, aceita e vence um desafio matemático proposto pelo professor Gerald Lambeau (Stellan Skarsgård).

Ao mesmo tempo em que é descoberto seu talento para os números, Will precisa frequentar sessões de terapia e ter aulas particulares de Matemática, mas nada funciona até entrar em cena o terapeuta Sean Maguire, interpretado por Robin Williams.

9. A Teoria de Tudo

A biografia de um dos maiores gênios da ciência é descrita em A Teoria de Tudo (2015). Na produção, é contada a história de Stephen Hawking (Eddie Redmayne), sua relação com a esposa, Jane Hawking (Felicity Jones), e a progressão da Esclerose Lateral Amiotrófica, doença congênita que leva à paralisação dos músculos.

Stephen Hawking é um dos maiores gênios da história da cosmologia e da astrofísica. Falecido em 2018, deixou um extenso legado de descobertas científicas. Ele foi responsável por desenvolver teorias como a da singularidade e as quatro leis da mecânica do buraco negro. Embora não seja exatamente enquadrado entre filmes sobre matemática, vale muito a pena conhecer a emocionante história de um ícone da ciência.

Ficou inspirado para prosseguir nos estudos e quer dividir essa inspiração? Que tal compartilhar este artigo em suas redes sociais agora mesmo, para debater sobre esses filmes com os amigos?

Fonte: Portal Universia Brasil

Data: 10/05/2018

Voltar

Ver todos os Destaques

Facebook Rádio Matraca

Colégio REZENDE REZENDE

2016 | Todos os direitos reservados

Rua Floriano Peixoto, 27, CEP 12308-030 | Centro - Jacareí, SP
Tel: (12) 3954-3910 | E-mail: contato@rezenderezende.com.br

EmpresasVALE Sites & Cia